quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

AGRICULTURA NA EUROPA DA IDADE MÉDIA


Todavia, não só o clima melhorou a produção agrícola: alguns incrementos  nas técnicas agrícolas devem também ser mencionados. Os medievos passaram a utilizar novas atrelagens que não sufocavam os animais, que eram a principal força  motriz. Também começam a utilizar a charrua, ferramenta empregada para revirar o solo preparando-o para o plantio, e que podia ser usada com tração animal ou humana. A charrua permitia um aprofundamento das sementes, aumentando a produção. Por fim, um novo sistema de plantação, trienal, permitia uma utilização mais extensiva do solo. Anteriormente, para evitar o deterioramento do solo, os medievos cultivavammetade da terra, deixando o restante em repouso; no novo sistema, só um terço ficava em repouso.
Essas alterações levaram alguns historiadores a classificarem esse processo como a revolução agrícola medieval. Esse revigoramento agrícola, provocou a produção de excedentes e, conseqüentemente, estimulou o comércio, que paulatinamente, colaborou para a transformação da a estrutura feudal.


Adaptado de JUNIOR, H.F. A Idade Média e o nascimento do Ocidente. São Paulo: Editora Brasiliense, 1988, p, 44.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário